JORNAL

Semente de milho crioulo dá origem a banco de germoplasma no MS


Com objetivo de dar suporte à criação do primeiro banco de germoplasma do milho crioulo cultivado no Mato Grosso do Sul, a Divisão de Política, Produção e Desenvolvimento Agropecuário da Superintendência Federal de Agricultura realizou levantamento das variedades de milho crioulo cultivados em comunidades tradicionais, no mês de setembro.

As sementes recolhidas nessas comunidades foram reproduzidas na Estação Experimental de adubos verdes da superintendência, em Bandeirantes. Posteriormente, serão encaminhadas amostras para a Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, de Brasília, com objetivo de identificar e fazer a leitura dessas variedades. Testes preliminares realizados no laboratório de Fitopatologia do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), em Campo Grande, demonstraram que as variedades de milho encontradas não apresentaram transgenia para os eventos testados.

A coordenação do trabalho de laboratório e de campo foi realizada pelos técnicos, Eleane Ferreira e Valter Loeschner, respectivamente agentes de Atividades Agropecuárias da superintendência, e contou com o aval de departamentos do Mapa, por meio de linhas de ação e fomento.

Com informações do Mapa.





Veja também


 
1 Comentário
  1. GOSTARIA DE ADQUIRIR A SEMENTE COMO FAÇO, E É BOM PARA PRODUÇAÕ DE PAMONHA?