JORNAL

Padronização é meta para setor de Resíduos Sólidos em 2014


Meta é chegar aos 200 filiados no segmento de reciclagem

Meta é chegar aos 200 filiados no segmento de reciclagem

Depois de um ano de boas notícias para o setor de Resíduos Sólidos, como o lançamento do programa Cataforte 3 pelo governo federal, a expectativa da Unisol Brasil é de um 2014 com crescimento no número de empreendimentos filiados.

Atualmente, a central de cooperativas reúne cerca de 150 empreendimentos solidários do segmento de reciclagem. A meta para 2014 é passar a marca dos 200 filiados.

Para atingir esse objetivo, Clóvis Eduardo Aguiar da Silva, secretário de Resíduos Sólidos da Unisol, destaca que um dos principais desafios é igualar a infraestrutura e o nível de capacitação dentro dos empreendimentos do setor.

“Temos cooperativas bem estruturadas, da mesma forma que temos empreendimentos formados somente por catadores de rua”, ressalta Silva.

Para o secretário, o caminho para atingir este objetivo é o incentivo a troca de experiências entre associações e cooperativas. “Já realizamos trabalhos desse tipo no Rio Grande do Sul, e obtivemos resultados”, finaliza.

 





Veja também